Viver na Unicidade

Viver na Unicidade ou
A Interação com DeusYHWH na Ótica Quântica

DeusYHWH é a Essência Absoluta do Núcleo
Entálpíco do Genoma de Tudo,
Nós somos uma Tríade; Ser. Alma & Eu.

Ser (Holorípico Divino) codificador do DNA
Alma codificadora (mRNA) dos procedimentos e
decodificadora das mitoses do DNA
Eu (corpo físico) Instrumento de aprendizagem.
O Eu deve se inteirar com a Essência Absoluta da
Energia Divina, onde está o Núcleo Entálpíco do
Genoma de Tudo, DeusYHWH.

Como são feitas estas inteirações?
As palavras, as ações, as omissões, as crenças
aleatórias e as interpretações das Leis, da Ética e
da Moral, são procedimentos que causam impulsos
Iônicos, transmitindo Energias com intensidades e
frequências variáveis. Estes procedimentos, têm
suas peculiaridades;

1 – As palevras só irão gerar energias se as ações forem
correspondentes. Se forem divorciadas, só as ações
irão gerar energias.

2 – As ações sem intensões de levar vantagem, em
quaisquer segmentos, irão gerar altas energias
vibratórias.

3 – As Omissões, irão gerar energias compartilhando
com as ações daqueles, que nós deveríamos ter
evitado.

4 – As Crenças Aleatórias (crenças paralelas, contrárias
ou que competem com DeusYHWH), não irão gerar
energias, simplesmente porque DeusYHWH é o
Núcleo Entálpico do Genoma de tudo, emanando
atributos peculiares onipresente, não havendo espaco
para poderes paralelos, contrários e nem competidor.

5 – As interpretações das Leis, da Ética e da Moral, sem
se preocupar em levar vantagens, irão gerar
energias, cujo retorno poderá alcançar o Nievana,
mas se procurar brechas para levar vantagens, o
retorno poderá levar ao caos.

As energias geradas em qualquer item, serão codificadas
pela Alma, para serem processadas no Cosmo, produzindo
fenômenos de vibrações atômicas, entrelaçados numa dança
Cósmica, nos fios energéticos da Malha Universal, onde
o Jogo Criativo da Inteligência Divina, emanando Seres
Holotípicos, com atributos peculiares, para processar os
códigos dos respectivos procedimentos, e assim, codificar
os resultados nas mitoses do DNA, para que a Alma possa
decodificar as mitoses do DNA (filhas), e o Eu, possa
vivenciar os resultados do seu procedimento, e assim:
1 – Mmanter o genoma da espécie,
2 – Aprimorar o seu arquétipo Divino,
3 – Alcançar uma boa qualidade de vida e
4 – Viver em harmonia com o Universo.

Salvador 25 de outubro de 2013

Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Este post foi lido 343 vez(es).

Este post foi lido 343 vez(es).