Livre Arbítrio, Carma e Pre destinação

Olá amigos leitores eis-me com mais um artigo polêmico. Façam comentários. Abraços…charrir

Não existe Livre Arbítrio, Carma e Predestinação,

O que existem são os Competentes e Incompetentes.

Competentes… 
São aqueles que não têm medo de pensar, nem de errar em busca da verdade no desconhecido e com consciência, desenvolvem seu Instinto de Observação, para lastrear sua rota de comportamento, procurando na criatividade, cumprir primeiro seus deveres, para conquistar seus direitos, com harmonia interna, contribuindo para a Fraternidade Universal, e assim, usufruir uma boa qualidade de vida.

Incompetentes…
São aqueles que têm medo de pensar e de errar, tendo medo do desconhecido, e sem consciência, estão atrofiando seu Instinto de Observação e perdendo sua rota de comportamento, no entanto, reivindicam primeiro seus direitos sem nenhuma criatividade, por não possuírem as condições de cumprir os deveres, ficando sem a harmonia interna, mas, querendo levar vantagens em tudo, acaba não contribuindo para a Fraternidade Universal, o que não permite obter uma boa qualidade de vida, e o pior, acham que essa liberdade de comportamento é fruto dos seus ”Livre Arbítrio”, ignorando que estão perambulando no deserto à noite, procurando um oásis que não existe.

Instinto de Observação, uma condição nata de qualquer ser vivo, é mais desenvolvido no ser humano, pôr fazer registro na memória dessas experiências, que o torna inteligente.
A inteligência é a “intuição” que nasce com o Instinto de Observação, instinto que a Natureza entrega igualmente a todos, gratuitamente.

A natureza humana está constituída de três entes
a) – O Ser é o Fragmento da Energia Divina, que habita em
todos os seres vivos, sem nenhuma discriminação.
b) – A Alma é a decodificadora das mensagens do Ser
para os cinco sentidos do Eu
c) – O Eu é o instrumento de aprendizagem da Alma.

Livre Arbítrio (para reflexão)
O comportamento do ser humano, é na verdade o resultado das atuações de duas fontes impulsionadoras; uma “Energia de Agir” e a outra a energia resultante.

Energia de Agir.
A Alma como decodificadora do Ser, tem o compromisso de fazer monólogos periódicos (prestar contas) com o Ser. Durante o monólogo da Alma com o Ser, o Eu deverá estar atento, para sentir o gradiente do relacionamento entre a Alma e o Ser. Esse monólogo, gera uma Energia de Agir no Eu que estiver atento, ativando nele o Instinto de Observação, que é a única ferramenta que o ser humano recebe gratuitamente da Natureza, para superar seu limite neste Plano físico. Infelizmente, a maioria não tem consciência de que, dentro de um de nós, habita o Ser (um fragmento de DeusYHWH), sem essa consciência, essa maioria não irá promover os monólogos da Alma com o Ser, tão necessários à qualidade de vida. Não havendo tais monólogos, o Eu não tem chance de ficar atento, não sofrerá influência da Energia de Agir e seu Instinto de Observação desaparece, o que leva essa maioria a viver somente, seguindo as resultantes das somatórias das energias dos hormônios das glândulas endócrinas, as quais lhe produzirão maiores sensações.

Resultante 
Resultante é a somatória das energias dos hormônios elaborados pelas
glândulas endócrinas e das células a elas associadas, que fazem parte do aglomerado de órgãos, gerando a vida, os quais obedecem Leis elaboradas por uma inteligência superior, coordenadas por um Ser (partícula da Divindade), que está dentro de cada um, mecanismo esse, que não tem sua participação, por transcender a inteligência comum e ser alimentado pela vontade de nossa Consciência Cósmica (nosso HD), geralmente procurando satisfazer uma necessidade Involuntária, previamente programada, que a Consciência Física (monitor), não tem acesso, por estar dentro de uma faixa limitada pelo Mundo Emocional (Astral), conforme a Estrutura Psíquica de cada um.

Assim podemos compreender que todas as ações humanas são resultados
da ponderação das atividades da Energia de Agir e da Resultante.
A falta de ponderação entre a Energia de Agir, (mensagens decodificadas do Ser) e a resultante, leva o ser humano a extrapolar na busca rápida de várias emoções, seguindo somente as resultantes, por serem mais vibrantes levando-o a cometer ações repudiadas pela sociedade e pela justiça que o condena.
O Eu se cumprir somente a orientação decodificada do Ser, alcançaria um patamar básico tranqüilo no se ficar e viveria condicionado em bom padrão de vida, mas estagnado. Para evitar a estagnação, a própria Natureza criou as glândulas endócrinas, para produzir hormônios com energias emocionais, cuja somatória, produzirá a tal resultante no Eu para o se ir, buscando novas emoções no desconhecido, as quais possam dar-lhe motivação para viver.

Livre Arbítrio 
A humanidade confunde Livre Arbítrio com Liberdade de Ação, que é completamente diferente.
A Liberdade de ação (a qual muitos confundem com Livre Arbítrio), é uma manifestação do ser humano, buscando levar vantagem em tudo, numa satisfação puramente pessoal, no campo físico, estruturada no Nível de Estado de Consciência de cada um, com limitações físicas, econômicas, culturais e no DNA genético, daí a pessoa desafiar as Leis e sofrer as conseqüências imediatas de suas ações, não tem efeito retardado, nem retroativo.

Livre Arbítrio, seria na imaginação dos que acreditam, uma opção para direcionar o comportamento de alguém para alcançar um objetivo Espiritual…..ora….no momento em que alguém opta por seguir alguma coisa, não é mais Livre Arbítrio, se o alguém está comprometido com um procedimento, que vai ditar o seu comportamento é o procedimento, aí a pessoa só fará seguir o “script” e o tal de Livre Arbítrio o que está fazendo? Os que acredita, diz: eu tive o Livre Arbítrio para escolher seguir os procedimentos. E daí? Se esse procedimento lhe levar à prisão de uma sistemática de vida com todos os rituais possíveis e imagináveis, estando a pessoa obrigada a vai fazer exatamente o que manda o regulamento? Mesmo assim, o prisioneiro de um sistema, que não lhe dá trégua, tornando-o um autômato, irá responder que tem o tal Livre Arbítrio, afirmando “eu tenho Livre Arbítrio e estou exercendo o meu Livre Arbítrio”.
Alguém poderá afirmar que é isso é Livre Arbítrio?
No Livre Arbítrio, o ser humano nunca erraria, isto porquê, nas etimologias das palavras têm: A palavra Livre é a liberdade e Arbítrio é o julgar. Livre Arbítrio é a liberdade de se julgar, assim o ser humano nunca iria fazer uma coisa, que previamente, ele julgaria ser errado.
O ser humano se tivesse Livre Arbítrio, poderia gerenciar o DNA e o RNA.
Também todas as suas ações, seriam corretas (no seu julgamento), diante disso, ele nunca iria errar, o que o levaria a ser; inteligente, bonito, culto, sem doenças, rico, executivo de uma multinacional, não iria morrer, não conheceria a tristeza nem o fracasso, nem a dor, conheceria o DeusYHWH/Universo/Natureza como realmente É, só viveria bem humorado. É possível isso?

Na minha ótica, é a Competência, usando o “Instinto Natural de Observação”, que deflagrará o objetivo a ser alcançado, com vistas, à encontrar a Harmonia Interna, que identificará com seu Nível de Estado de Consciência e sua Estrutura Psíquica.

Antes de ser ignorante, o ser humano tem as chances de se desenvolver, usando seu instinto de observação, a única ferramenta que ele dispõe para vivenciar com consciência, dentro dos segmentos Lógicos, Científicos, Espirituais e Filosóficos, os conteúdos simples, que o leva a desenvolver sua Estrutura Psíquica e sair da ignorância e aprender a arte de pensar sem medo, que é a chance que ele tem, para superar sua limitação psíquica, imposta pelo local, condição econômica e família (DNA), berço do seu nascimento. Fora do instinto de observação, dificilmente ele terá uma boa qualidade de vida.

Veja uma comparação da conseqüência do que seria o Livre Arbítrio…
DeusYHWH gerou o Universo e mantém o controle de tudo com suas Leis cósmica, todo o Universo está obedecendo rigorosamente suas Leis, se houvesse Livre Arbítrio isso não seria possível, DeusYHWH, não teria o controle de nada…..seria como
Uma indústria de calçado, com 350 operários, os quais ao serem admitidos teriam suas carteiras assinadas, e nos espaços para discriminar suas funções, foram preenchidos com a função de “Livre Arbítrio”, Qual seria o futura da indústria?

Devemos saber que o Mundo é um grande Teatro….
A nível psíquico (alma), somos atores ou atrizes…
A nível físico (corpo físico), somos personagens…
Da grande peça; a Vida. Encenada no palco Planeta Terra, um dos palcos do Grande Teatro, o Universo.
O complexo de todos, é não conhecer o “script”, daí ignorar o papel, achando que tem o tal do Livre Arbítrio.
O Brahmanismo (1860aC.), prega: – antes de encarnarmos aqui, vivíamos uma trajetória muito longa de vida, quando desencarnamos voltaremos a essa trajetória, cumprindo o Samsara. E daí? Uma colocação muito simples, não prova nada.
Se continuarmos pensado como brahamanes, daqui a 5.000.000 de anos continuaremos como brahamanes.
E a evolução?

Nós não fomos gerados aleatoriamente.
DeusYHWH auto gerou e fragmentou (não coloco o pronome) em partículas dinâmicas para habitar como Ser, em todos os corpos (Eus), sem nenhuma discriminação, levando o instinto de observação, a cada um, igualmente para que todos tenham as mesmas chances de lutarem por comportamentos que lhes possam trazer boas qualidades de vida.
Assim podemos conceber que qualquer ação do ser humano, poderá ser, orientação do Ser que habita nele, inclusive o suicídio, a Eutanásia e outros fatos repudiados pela massa hibernada. Quem de nós poderá negar isso?.
O exercício do Instinto de Observação, é a busca do “auto conhecimento” através das vivências sem a conotação egoísta. Quaisquer conhecimentos sempre se baseiam em fatos reais, foi coletando fatos que a história passou a existir, e os fatos estão sempre relacionados com o tempo e as épocas, basta usarmos nossos instintos de Observações.
O Instinto Natural, tem uma escala muito ampla, com vários estágios, começando com:
Instinto de Conservação
Instinto de Observação
Instinto de Inteligência
Instinto de Empatia
Instinto de Interação
Instinto Divino
A mudança de um estágio para outro, é a inter face do sistema, acontece quando uma glândula Endócrina de nível mais elevado, elabora seu hormônio, para interagir e superar os efeitos do hormônio da glândula atuante. Estes fenômenos só podem ser observados, quando utilizamos a Física Quântica, no Princípio da Incerteza de Heisenberg (1901 – 1976), utilizando duas pessoas, com influências de Hormônios diferentes, observando o mesmo fenômeno.
Nota: Considerando o que está escrito, não há espaço para Livre Arbítrio.

Carma (para reflexão)
Currículo Cósmico, é o registro dos créditos adquiridos nos balanços das “leis de ajuste”, que acumulamos durante os nossos segmentos vividos em existências anteriores (em outros planetas), créditos estes, que são fixados numa faixa limitada na Dimensão Emocional (Astral) e que manifestam, dentro de cada um, de forma involuntária, com aspecto de uma “Energia de Agir” (citada anteriormente), na nossa Consciência Cósmica, procurando orientar nosso comportamento, na existência atual (no planeta Terra), fazendo com que nossa Consciência Cósmica, selecione as melhores experiências no Mundo Físico, para nos levar a um plano original, onde encontraremos o caminho que irá aumentar nossos créditos e aprimorar os parâmetros, que serão utilizados na nossa próxima existência, (num planeta superior)
Muitos podem pensar que seja Carma.
Mas não é Carma, e sim, Currículo Cósmico
Carma seria a Lei de ação reação, com efeito retardado e retroativo, você estaria pagando uma dívida que você não tem consciência de ter contraído, um absurdo. A Natureza é amiga do ser humano, esse Carma, seria um jogo sujo. Não devemos esperar da Natureza esse tipo de comportamento, que usa um sistema ardiloso, com aspecto de circulo vicioso, isto é, numa encarnação o elemento seria algoz e na seguinte seria vítima, e assim sucessivamente.
Não existe Resgate Cármico, nesse círculo vicioso, como muitos pregam, são falácias sem lógica, e as coisas sem lógica, são falsas.
Se o Carma existisse:
Não haveria interface entre o Plano Físico e o Plano Espiritual.
As glândulas Endócrinas estariam elaborando hormônios harmoniosamente e o Kundalini (energia que já definida), estaria atuando em todos os “Chakras”, principalmente no Coronário a pleno vapor.
A Consciência Cósmica estaria expandida, de modo que não haveria solução de continuidade, estaria atenta em todos os estágios, do sono, do acordado e da morte.
O tempo seria o “eterno agora”, transparente à todos, a ação coincidia com a reação e seria o equilíbrio total, o que todos sabemos…que não é assim.

Pré destinação (para reflexão)
Imagine Um DeusYHWH, justo, generoso e amoroso, gerar os seres vivos com tanta desigualdade e distribuindo atributos com tanta discriminação. Seria um tremendo paradoxo;
Quando adquirimos consciência da Energia de Agir e da Resultante, iremos compreender, que a nossa Alma está decodificando, as mensagens do Ser, para os nossos cinco sentidos, e nossas glândula endócrinas estão elaborando hormônios. Nessas decodificações, iremos encontrar as chances de usar a nossa inteligência intuitiva, procurando ponderar essas energias na busca de satisfazerem as vontades da Consciência Cósmica (de suprirem as necessidades conforme as Leis Cósmicas), as quais facilitarão a nossa integração na Fraternidade Universal, seguindo comportamentos que nos darão boas qualidades de vida; o objetivo de todos nós.
Para os que não têm consciência desse segmento, poderão interpretar como Pré-destinação, mas não é, e sim, a Unicidade, integração humana com a DeusYHWH/Universo/Natureza.

Mini glossário
DeusYHWH – é o nosso Deus – É a Essência Máxima de Energia Cósmica, Auto gerando, Fragmentando e interagindo em tudo.
Fora Dele, nada existe, só a ilusão.

2) – Se ir, é ser mutante e ousado, para buscar,
a verdade, no desconhecido.
2) – Se ficar, é não ser mutante e acomodado,
para buscar, a verdade, na imitação.
3) – Se disponibilizar, é administrar o Eu por
compreensão e não por repressão.

Consciência Cósmica, é o HD, onde estão os registros de tudo que fazemos e que falamos. Possui memória.

Consciência Física, é o monitor, não tem memória, mas é o instrumento de visão para fazer o registro do que tivermos observando. Para recorrer a memória usamos o pensamento, que é o código (senha), de acesso à Consciência Cósmica (HD), para visualizar na Consciência Física (monitor) o que queremos saber e que está registrado na Consciência Cósmica (HD).

Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Salvador 31 de ouyubro de 2006

 

Este post foi lido 314 vez(es).

Este post foi lido 314 vez(es).