A Ética e a Moral

Olá amigo do portal, eis-me falando sobre a Ética e a Moral. Abraços…charrir

A Ética e a Moral

O comportamento ético e moral do povo brasileiro, está representado pelas figuras políticas que compõe os poderes legislativos, Câmara e Senado.
É assim a estrutura de um pais democrático, logo é a realidade brasileira.
Sabemos que, atualmente, na era das comunicações via satélite, as informações chegam instantaneamente em quaisquer partes do mundo.
Pode-se imaginar a vergonha, que um brasileiro passa, ao ser identificado, transitando nos aeroportos internacionais, ouvindo palavras jocosas, que o faz andar de cabeça baixa. Sem estrutura moral para responder quaisquer perguntas, ou mesmo manter quaisquer diálogos, com os estrangeiros, em defesa da imagem do Brasil, o brasileiro fica calado.
A imagem está deformada pelas corrupções de nossos políticos, os quais, projetam nas imprensas estrangeiras, fluxos de dinheiro de uma mina (valerioduto), cuja nascente, ninguém sabe, fluxos estes, de darem inveja aos políticos do congresso de Sbórnia.

O corporativismo é uma brecha da democracia, é uma realidade que está presente em todos os segmentos da sociedade, mas atinge o expoente máximo, quando utilizado com muita astúcia pelos nossos políticos.

No regime democrático, os políticos são os verdadeiros representantes do povo. Com os privilégios de julgarem em causas próprias, seus referenciais são adulterados em benefícios próprios. Eles se julgam inteligentes, competentes, honestos e com muita ética e moral, se consideram legítimos representantes do povo, sempre alardeando que tem muitos projetos em benefício do povão sofrido. Realmente, eles com seus referenciais, simplesmente seguem a ética e a moral do grupo social que eles representam.

De quatro em quatro anos, o povo tem as chances de substituí-los e modificar a estrutura, mas não é isto que acontece, geralmente, a “Campanha de Doações”, promovida pelos donos do dinheiro, consegue reeleger 80%, dos parlamentares profissionais (politiqueiros), daí continuar no mesmo sistema adulterado.

Num país de muitos analfabetos e semi-analfabetos, torna-se difícil implantar uma conscientização da democracia plena, fraterna e justa, com distribuição de responsabilidade cultural. Só com conscientização se vence um sistema adulterado.

As palavras, quando aplicadas na descrição de fatos (signo), têm um conceito, porém, assumem conceitos diferentes, no Nível de Conscientização de cada um.
Assim, ético e moral para muitos, podem ser considerados sinônimos.
No uso diário, ética e moral, se confundem, embora moral esteja mais relacionada com os costumes de determinado grupo social, ao passo que a ética, representa valores em níveis universais.

A Moral é determinada pelos valores comportamentais de um povo ou de uma civilização, estabelecendo o padrão na ótica de julgamento, entre certo e errado, moral e imoral, conforme o Nível de Estado de Consciência do grupo a que pertence, incluindo a virtude, o altruísmo e seus sinônimos.
A Ética está no Nível de Estado de Consciência da
sabedoria. Para a ética, o ser humano, não é bom nem mau, nem vicioso nem virtuoso, ele é simplesmente um “ser humano”, com todas as suas ambições e desejos, que são inerentes a todos os seres humanos.
Ser ético é ter um comportamento sábio, em que suas ações não provoquem impactos desagradáveis no convívio que o entrelaça nas interações com a classe a que pertence.

Salvador 25 de maio de 2006
Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Este post foi lido 316 vez(es).

Este post foi lido 316 vez(es).