Assuntos das faixas de cada QI

Assuntos das faixas de cada QI
Biblioteca Pública para consultas
de assuntos ecléticos de todas as áreas

1ª. Visita
Um sábio para testar a estrutura do acervo cultural
da biblioteca, e saber os diversos níveis de conhecimento
da humanidade, entra na biblioteca, com arquitetura de ponta,
e dirige ao robô, pedindo um dialogo sobre cultura geral.
O Robô perfeito; pergunta: Qual é o seu QI?
O homem responde: consegui alcançar o QI 250.
O líder Robô disse ótimo; Vamos falar sobre o princípio
da incerteza, o Bóson de Higss, sobre a teoria da
relatividade, sobre a teoria de Darwin, a física
quântica, metafísica, a ontologia, teoria das cordas,
interdependência ambiental, nanotecnologia, sobre
DeusYHWH e o Universo. Está preparado?
O sábio afirmou que sim, e após 45 minutos, saiu
impressionado com o robô, e não satisfeito, deu
uma volta de 30 minutos e voltou a biblioteca.

2ª. Visita
Ao entrar dirigiu-se ao Robô que repetiu a pergunta:
Qual é o seu QI?
O homem responde: consegui alcançar o QI 150
O Robô disse; sendo assim, podemos falar sobre a
desigualdade social, a justiça, a crise financeira,
a guerra do Síria, a 1ª. E 2ª. Guerra mundial, das
questões internacionais, das eleições dos Estados
Unidos, sobre aquecimento global, espiritualidade
universal, e por aí afora. O sábio, iniciou o diálogo
e após 30 minutos, saiu vibrando como poderia um Robô
ter tantas informações. Pensando assim resolveu dar um
descanso de 2 horas e voltar à biblioteca.

3ª. Visita
Ao entrar, o Robô, novamente lhe perguntou:
Qual é o seu QI?
O homem responde: consegui alcançar o QI 100
O Robô disse; sendo assim, podemos falar sobre
sobre desemprego, reforma agrária, das corrupções
dos nossos parlamentares, bolsa família, aumento
dos salários, polícia, emprego público, etc.
O sábio, iniciou o diálogo e após 30 minutos,
saiu, mas já pensado em voltar para saber o
limite inferior do Robô.

4ª. Visita
Ao entrar, novamente, o robô, lhe perguntou:
Qual é o seu QI?
O homem responde: só consegui alcançar o QI 75 .
Imediatamente o Robô lhe disse; neste caso vamos
falar sobre futebol, carnaval, cervejas, fórmula 1,
armas de fogo, supermodelos, comidas favoritas,
corpo de mulher, garotas de programas e copa do mundo.
O sábio, iniciou o diálogo e após 20 minutos, saiu, mas
já pensado em voltar para saber até aonde iria o limite..
.
5ª. Visita
Ao entrar, novamente o robô lhe faz a pergunta:
Qual é o seu QI?
O homem dá uma disfarçada e responde: só consegui
alcançar o QI 50
O Robô lhe disse; neste caso vamos falar sobre
MST, MSM, desemprego, tráfego de drogas, crime
organizado, milícias favelas, o importante é levar
vantagens sempre, como fazem os político, não
importa os meios,.
O sábio, iniciou o diálogo e após 10 minutos,
saiu, mas já pensado em voltar para saber se o
limite era aquele.

6ª. Visita
Ao entrar, a cena se repetiu, o Robô pergunta:
Qual é o seu QI?
O homem dá uma disfarçada e responde: só consegui
alcançar o QI 30
O Robô disse; neste caso vamos falar sobre religiões,
pecados, a casa dos artistas, big brother, novelas,
minisséries, música baiana e rap, pagode, axé, baile
fank, dizimo religioso, Sindicalistas, Militantes
do Partido dos Trabalhadores, comícios do Lula.
Com 10 minutos de diálogo, o sábio saiu, mas achou
que o dialogo, poderia não ser o limite, e uma
hora depois, voltou à biblioteca.

7ª. Visita
Ao entrar, a cena se repetiu, o Robô pergunta:
Qual é o seu QI?
O homem dá uma super disfarçada e responde: só
consegui alcançar o QI 10
O Robô disse; neste caso, é muito limitado, quase
o fundo do poço, mas vamu fala dos nossos companheiros
do maió Partido du mundu o Partido do trabaidor Lula
home justo que da ao pobre, borsa famia e ao preso
borsa recrusão num dexa a gente passá fome a mode
disso vamo votá novamente nos candidatu do partido para
garanti nossa borsa famia sem trabaiá ETA partido baum.
O sábio, não pode iniciar o diálogo, pois não entendia a
linguagem do Robô, e após 5 minutos, saiu, sem dar
satisfação. Satisfeito por ter visto o limite da ignorância,
e pior, o Super Robô, sabia que a linguagem predominante
daqueles de baixo QI, era dos eleitores brasileiros, ligados
a área religiosa e a partidos políticos, dando a perceber
que, sob aquele baixo QI, havia um grande interesse
generalizado de levar vantagens em tudo.

Recife 6 de maio de 2009
Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Este post foi lido 344 vez(es).

Este post foi lido 344 vez(es).