A Importância da Empatia

Vejam a importância da Empatia

Ninguém ensina nada a ninguém
Ninguém convence ninguém a nada
Ninguém converte ninguém a nenhuma religião
Ninguém conscientiza ninguém sobre nada
Porque ninguém é dono da verdade

Por outro lado
Todos nós somos eternos aprendizes.
Mas para aprendermos é necessário termos Empatia.
Mas o que é Empatia?
Empatia é a arte de se transcender, isto é, sair de si e entrar naquilo que queremos conhecer (pessoa, coisa, objeto, e o que estivermos vendo, ouvindo ou lendo), para que possamos compreender, e assim, aprendermos por nós mesmos, e também, ser a única maneira, de encontrarmos as respostas corretas, das coisas que nos parecem enigmas neste nosso Universo.
A descoberta desta sistemática, que deve ser individual, é o auto conhecimento, o qual, não pode ser transmitido, nem ensinado a ninguém, por se tratar de uma Empatia individual, e também, não haver duas Empatias iguais

Como isso funciona?
A nível Cósmico, nós somos energias e cada um de nós, é um tanque (Link) oscilante.
O que é um tanque oscilante?
É um sistema que emite e recebe ondas energéticas, assim estaremos sempre irradiando energias em freqüências individuais padronizadas.
Para termos Empatia, devemos ser mutantes, ou seja, sermos tanques com oscilações variáveis, isto nos permite sintonizar (empatizar) em tudo, o que nos levam a aprendizagem.
Assim como nós, tudo aquilo que queremos conhecer (os elementos citados anteriormente), também são energias (tanques oscilantes) e estão sempre irradiando energias, em que cada elemento, tem uma freqüência padrão. Não há freqüências padrões iguais nas pessoas, salvo nos casos, chamados almas gêmeas.
A maioria dos seres humanos, por comodismo, prefere oscilar só na freqüência padrão, não aprendendo nada, só imitando.

Para aprendermos algo, temos que ter Empatia, isto é, oscilar na freqüência daquilo que está sendo objeto de nossa aprendizagem.
Como metáfora cito o Rádio. O rádio é um tanque com oscilações variáveis. Ao mover o “dial”, estamos variando a freqüência deste tanque (rádio), daí podermos num só rádio, sintonizar várias emissoras (tanques). Ao sintonizar uma emissora há uma interação do rádio com a emissora, que nos permitem ouvir a emissora no rádio, fenômeno que corresponde a Empatia.
Também o ser humano ao empatizar no elemento objetivo, estará oscilando na freqüência do elemento, com a qual possibilitará entrar no tanque do elemento em análise, com isso, conhecerá sua freqüência, sentirá as oscilações (emoções), que o elemento esta oscilando (sentindo). Fora disso, não há aprendizagem e nem conhecimento.

Na ciência, encontramos um fenômeno no campo das energias, chamado interferência.
O que é uma interferência?
Quando duas freqüências simultâneas se chocam num tanque, dá-se o batimento e aparece no sistema quatro mini sistemas num único tanque, (F1), (F2), (F1+F2), e (F1-F2), chamado de interferência.

Vejamos onde a Empatia apresenta seu maior papel no comportamento do ser humano, ao relacionar com a Divindade.
Para conhecer YHWH, nossa Divindade, é necessário que cada um possa empatizar Nele.
YHWH, é a Essência Máxima de Energia Cósmica, interagindo em tudo, emitindo freqüências variáveis, numa escala muito ampla. Cada um de nós, comunica com Ele, numa freqüência individual. Nos templos, é quase impossível a Empatia com Ele, dado o grande número de indivíduos, emitindo freqüências individuais simultâneas, as quais são variáveis, com batimentos imprevisíveis, mas com interferências tão grandes, que transforma o ambiente, num ciclone inaudível e anti empático, dificultando a interação com a Divindade, que é o objetivo do encontro.
Com isso, poço concluir que; o conhecimento de YHWH, foi, é e será sempre, foro íntimo de cada um.

Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Porto Seguro 05 de maio de 2007

 

Este post foi lido 368 vez(es).

Este post foi lido 368 vez(es).