Reflexão Cognitiva Sobre o Governo Populista

 

Reflexão Cognitiva sobre o Governo Populista

Eu, com a minha experiência dos meus 90 anos, teria outra ÓTICA sobre as benesses do Governo Populista, no assistencialismo, com bolsa família, auxilio reclusão, bolsa da pesca (seguro-defeso) e outras.

Qual seria esta ÓTICA?

Seria substituir todos estes títulos de benesses citados, por incentivos chamados de “BOLSAS ESCOLAS”, com cursos médios, profissionalizantes e até Faculdades. Incentivos estes, que irão receber erários do Governo, para as necessidades básicas de cada um, no entanto, terá a responsabilidade de freqüentar os cursos e ser aprovado, para desenvolver a sua auto estima, provando a si mesmo, que é capaz de superar a desigualdade, basta o governo acreditar nele, dando a chance da BOLSA ESCOLA, com este financiamento de 60 meses, para começarem a ser pagos, com cinco anos de carência, após a formatura.

Quanto as substituição das Cotas Universitárias, seria fazer investimentos maciço em educação, valorizando os professores bem qualificados, estruturando as escolas públicas, com alto padrão de qualidade de ensino o mais versátil possível, visando estimular a auto estima de todos, valorizando a psique do foro íntimo de cada um, com o slogan “você pode, você é capaz” de superar a desigualdade.

Nos casos dos presos, construir Escolas nos presídios, nos moldes das BOLSAS ESCOLAS citadas, àqueles que concluírem os cursos profissionalizantes até os 3ºs. Lugares ou Faculdades, serão indultados.

Nestas BOLSAS ESCOLAS, procurar conscientizar a todos, que a Natureza nos fez desiguais, e incentivar a AUTO ESTIMA de cada um, insistindo na tecla “que você pode, você deve” vencer a desigualdade, basta lutar com perseverança e dignidade, para que a Natureza Divina, lhe dê saúde e o Governo lhe dando  BOLSA ESCOLA, terá então as chances de superar a desigualdade, conquistando com os próprios esforços, os méritos do sucesso de viver com Dignidade e andar de cabeça erguida, sabendo que seu nome, não consta nas estatísticas dos beneficiários do Populismo do Governo, por não querer levar vantagens do assistencialismo institucionalizado e estar vivendo uma boa qualidade de vida, cuja  sociedade, passa lhe ver com outra ótica, a de respeito,.

Salvador 05 de outubro de 2018

Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA

Este post foi lido 212 vez(es).

Este post foi lido 212 vez(es).