Condições para o Progresso de uma Nação

Condição para o Progresso de uma Nação

O progresso de uma Nação, só pode existir, onde o
povo estiver conscientizado, que a convivência na
desigualdade, seja social, na política e na religião,
deve ser harmoniosa, isto para dar chances a todos
de terem criatividades, desenvolverem suas
inteligências e se tornarem competentes.

O Governo populista, não pensa assim. Julgando que
a convivência harmoniosa só existe entre os iguais,
entre os desiguais, existe escravidão.
Para este Governo, o progresso de uma Nação,
depende sim, mas, da convivência na igualdade, seja
social, na religião e na política, para que haja
harmonia, entre estas classes, isto porque ninguém
deve se conscientizar de ser desigual, que gera
trauma na pessoa, assim todos sendo iguais, terão o
mesmo objetivo, para que a Nação possa progredir.
Neste regime, não há inteligentes nem competentes.
O que faz a diferença entre estes dois regimes.

No regime populista, não há motivação para superar
os limites das desigualdades, pois todos são iguais.
Não há o despertar da criatividade, e sim, o despertar
do comodismo, todos vivendo anomicamente (sem
identidade). Neste estágio, o povo desta Nação, pode
pensar que está usufruindo beneficio, mas na
realidade, estão se nivelando por baixo, vivendo
numa linha abaixo da pobreza, na organização da
Miséria, confirmando que a Nação está caminhando
para o Apocalipse, provocando os efeitos
desastrosos da auto destruição da humanidade.

Salvador 30 de novembro de 2014

Charrir Kessin de Sales – OJÉNNA
TextText Condição para o Progresso de uma Nação

Este post foi lido 329 vez(es).

Este post foi lido 329 vez(es).